Para Pesquisadores

Nesta página você encontra as informações acadêmicas ligadas aos projetos que estamos desenvolvendo.


Projeto de Pesquisa: “Cidade e Primeira Infância: Instrumentos de Projeto para atuação em territórios urbanos vulneráveis

Contexto: Projeto de pesquisa desenvolvido em parceria entre o Instituto Brasiliana, a Fundação Bernard van Leer e o Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Presbiteriana Mackenzie:  ” Arquitetura: Projeto & Pesquisa & Ensino” , certificado desde 2004 pelo Cnpq. Mantém também relações de cooperação com a  SP-Urbanismo – Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, PMSP.

Descrição do projeto: O presente projeto de pesquisa visa identificar e analisar o conjunto de dissertações de mestrado e teses de doutoramento produzidas acerca das condições de desenvolvimento da criança – da gestação aos seis anos de idade – em áreas de vulnerabilidade social na cidade de São Paulo na última década. O foco desta análise recairá sobre o modo como as práticas projetuais – na forma de propostas de intervenção, formulação de políticas públicas e outras expressões de prática projetual –  são abordadas nestes trabalhos, e a que resultados elas conduzem. Duas abordagens complementares buscam relacionar esse quadro ao contexto da cultura brasileira e sua história, e o conhecimento especializado sobre o desenvolvimento na primeira infância. O objetivo desta pesquisa é propor a sistematização e disseminação, sob a forma não apenas de publicações científicas, mas também sob formatos que atinjam o público mais amplo, das práticas projetuais correntemente adotadas e debatidas, bem como seus resultados – especificamente no que se refere àquelas que impactam no desenvolvimento da criança de 0 a 6 anos na esfera de seu convívio na cidade. Como impacto,  com vistas a contribuir para agentes e órgão promotores de políticas públicas de atendimento às necessidade da primeira infância em áreas de vulnerabilidade social, espera-se oferecer a profissionais das áreas não-projetuais – como as ciências da saúde e as ciências humanas – descrições claras e facilmente aplicáveis de como determinados instrumentos projetuais podem ser empregados para identificar situações potencialmente problemáticas, como por exemplo em edificações, ruas, praças e outros espaços públicos – e comunicá-las de modo eficiente e colaborativo a profissionais ligados às áreas de prática projetual.

O Projeto possui potencial de inovação de produtos, processos e serviços na área  de Ensino de Extensão e apoio à elaboração e implementação de Políticas Públicas;

Situação: Em andamento

Ano de início: 2016

Instituição de Execução: Universidade Presbiteriana Mackenzie

Órgão / Unidade: FAU-Mackenzie

EQUIPE

CoordenadoresRodrigo Mindlin Loeb, Ana Gabriela Godinho Lima

Representante Fundação Bernard van Leer: Fernanda Rezende Vidigal, Irene Quintáns

PesquisadoresProfa. Dra. Angélica T.B. Alvim, Prof. Dr. Lucas Fehr, Profa. Dra. Ana Estela Haddad, Prof. Dr. Carlos Leite, Profa. Dra. Patricia Pereira Martins, Profa. Ms. Ana Paula Pontes, Profa. Ms. Andraci Maria Atique, Profa. Ms. Daniela C.V. Getlinger, Profa. Ms. Marilia Aldegheri do Val, Discente mestrado Helena Nosek, Discente mestrado Miriã Carvalho, Discente mestrado Julio Barreto Gadelha, Caio Esteves, Luiz Cláudio Marques Dias, Terciane Alves, Vivian Hori Hawthorne

Anúncios